Ensino lúdico: como é uma pós graduação ead na área?

Hoje vamos te contar tudo sobre ensino lúdico, você vai saber como é um como é um curso de ensino lúdico e como funciona uma pós graduação em ensino lúdico ead, onde é possível atuar com um diploma de especialização em ensino lúdico ead e muito mais.

O que é ensino lúdico?

Em primeiro lugar é preciso explicar o significado da palavra “lúdico” que vem do latim ludus e quer dizer brincar. É preciso destacar que o lúdico é uma necessidade do ser humano e ela não pode ser vista somente como diversão.

O trabalho com o desenvolvimento lúdico é importante pois o mesmo, além de facilitar a aprendizagem, auxilia também no desenvolvimento pessoal, cultural e social dos alunos. Por meio das atividades lúdicas, os estudantes aprendem enquanto brincam, o que torna torna o desenvolvimento cognitivo muito mais espontâneo e até mesmo fácil.

Quando falamos em ensino lúdico podemos afirmar que este é uma maneira de desenvolver a criatividade dos alunos e também proporcionar novos conhecimentos seja por meio de jogos, brincadeiras, dança e música. O objetivo dessa maneira de ensinar é fazer com que o aprendizado seja divertido e interativo entre todos os colegas.

Em resumo, podemos dizer que as atividades lúdicas têm o objetivo principal de ensinar brincando. Mas na verdade ela se utiliza desses jogos e brincadeiras para desenvolver a coordenação, a atenção, imaginação e memória das crianças.

Esse tipo de ensino, atividades lúdicas, é indispensável na educação infantil para que aplique uma boa prática pedagógica. E, além disso, a interação social que ela proporciona entre os alunos é de suma importância tanto para o desenvolvimento, como para o amadurecimento psicólogo.

É preciso destacar também que no ensino fundamental, as atividades realizadas por meio de práticas lúdicas ajudarão a estimular a memória para os conhecimentos já adquiridos pelos estudantes. E o ensino lúdico é fundamental também na criação de laços de amizades, de afeto, de companheirismo, de trabalho em equipe, de solidariedade, de tolerância e de respeito.

Porém, fique sabendo que não se trata simplesmente do professor levar brincadeiras e jogos para a sua sala de aula. Para que o ensino lúdico seja realmente eficiente, é preciso que o docente tenha um conhecimento vasto sobre o assunto. E, com toda a certeza, o mesmo pode ser obtido por meio de um curso de pós-graduação em ensino lúdico em uma instituição de ensino a distância.

Curso de pós graduação em ensino lúdico

O curso de ensino lúdico tem como objetivo instrumentalizar o profissional que atua como docente para fazer a socialização de conhecimentos por meio de jogos, atividades e teorias de aprendizagem. Essa pós tem o objetivo de proporcionar suporte para que os professores possam fazer do ensino algo mais prazeroso para os alunos, mas prezando ainda pelo seu desenvolvimento e estimulando os mesmos a criarem as suas próprias estratégias de aprendizagem.

Na faculdade São Luís, uma pós graduação em ensino lúdico a distância tem a carga horária total do de 450 horas, divididas entre as seguintes disciplinas:

  • Didática do Ensino Superior – 75 horas
  • Novos Caminhos para Profissionais da Educação – 75 horas
  • Ludicidade e Psicomotricidade – 75 horas
  • Artes Visuais e Música – 75 horas
  • Movimento – 75 horas
  • Jogos, Brinquedos e Brincadeiras – 75 horas

Ao optar por uma faculdade ead para cursar uma pós graduação em ensino lúdico, na Faculdade São Luís, ela pode ser cursada em 6, 9 ou 15 meses. Tudo dependerá da sua disponibilidade de tempo e de dinheiro para custear a mensalidade.

Por exemplo, se você optar por ter acesso apenas a plataforma online, o valor mensal é de R$ 69,90 para o curso com duração de 15 meses. Para duração de 9 meses o valor mensal é de R$ 99,90 e para duração de 6 meses, o valor mensal é de R$ 189,90.

Por outro lado, se você optar por ter acesso a livros impressos e DVD’s, além da plataforma online, o valor é de R$ 89,90 por mês para o curso com duração de 16 meses; R$ 129,90 para o curso com duração de 9 meses e R$ 209,90 para o curso com duração de 6 meses.

Mercado de trabalho no ensino lúdico

Inicialmente o piso salarial nacional para professores do ensino fundamental na rede pública é de R$ 2.557 para uma jornada de 40 horas semanais. Os profissionais formados em pedagogia e com pós graduação em ensino lúdico podem atuar como professores da educação infantil (pré-escola) e do ensino fundamental I (1.º ao 5.º ano).

Na rede privada, porém, o piso salarial de professores e pedagogos de escolas particulares é definido, de acordo com cada estado, pelos documentos regionais e convenções coletivas da categoria.

Depois de obter seu diploma de pós em ensino lúdico, é possível atuar em instituições de ensino públicas, instituições de ensino privadas, empresas do terceiro setor, indústria de brinquedos e nos mais diversos meios de comunicação.

Confira, a seguir o detalhamento de cada uma das opções de carreira no ensino lúdico:

Escolas públicas e privadas

Com um diploma de curso de pós graduação em ensino lúdico é possível atuar como professor da educação infantil (pré-escola) e do ensino fundamental 1, que engloba desde o 1.º até o 5.º ano do ensino. Outra possibilidade é atuar como supervisor, coordenador pedagógico, orientador pedagógico, psicopedagogo ou até mesmo diretor.

Empresas do terceiro setor

Neste caso, depois de se formar em um curso de pós ead em ensino lúdico, o profissional poderá atuar como coordenador de projetos, programas sociais e educativos em diferentes áreas, como saúde, meio ambiente, entre outras, para o desenvolvimento de uma comunidade.

Indústria de brinquedos

Neste ramo, o profissional com diploma de ensino lúdico pode atuar como pesquisador e consultor, realizando análises que auxiliarão na produção de brinquedos e ainda ajudando na classificação de faixa etária dos brinquedos.

Meios de comunicação

Por fim, um profissional diplomado em pós de ensino lúdico pode atuar na elaboração e análise de conteúdos destinados ao público infantil, trabalhando conteúdo que será divulgado em revistas, jornais, rádio, TV, internet.

Outra opção são os programas educacionais, onde o profissional fará o apoio e a orientação no relacionamento com crianças que atuam nos meios de comunicação, seja em editoras de livros infantis, didáticos ou paradidáticos.

Deixe seu Comentário