9 Motivos para fazer o curso EAD de bacharelado em ciência da computação

O curso de Ciência da Computação é uma das melhores escolhas para quem quer seguir na área de TI. Com um mercado de trabalho em alta, com diversas possibilidades de trabalho e altos salários, o profissional formado no bacharelado em ciência da computação ead a distância tem grandes chances de construir uma carreira de sucesso.

Então, se você quer saber os principais motivos para fazer esse curso, continue lendo esse texto.

O que é Ciência da Computação?

Primeiramente, é preciso saber do que se trata a ciência da computação. Ela é o estudo das técnicas, metodologias, instrumentos computacionais e aplicações tecnológicas, com o objetivo de automatizar os processos e desenvolver soluções de processamento de dados.

Porém, é importante ressaltar que um curso de TI não é apenas o estudo de algoritmos, suas aplicações e como implementá-los na forma de um software. A ciência da informática também envolve técnicas de modelagem e gerenciamento de banco de dados, aspectos de telecomunicação e protocolos de comunicação.

A tecnologia da informação e comunicação é uma área muito importante, pois seu conteúdo pode ser aplicado em diferentes campos conhecimento humano onde seja possível definir métodos de resolução de problemas baseados em repetições previamente observadas.

São os avanços obtidos na faculdade de ciência da computação que permitem o progresso na sociedade contemporânea como um todo, englobando desde redes de computadores, Internet, Web e computação móvel – utilizadas atualmente por bilhões de pessoas no mundo todo.

9 motivos para fazer o curso EAD de Ciência da Computação

Agora que você já sabe o que é Ciência da Computação, confira os motivos que fazem deste curso a escolha certa para você.

1 – Mercado de trabalho aquecido

A área de TI, incluindo quem se forma em Ciências da Computação, está muito em alta no mercado de trabalho. Os profissionais são bastante requisitados por empresas de todos os portes e encontram a possibilidade de receber altos salários. Quem tem formação nessa área, certamente, conseguirá uma boa oportunidade de emprego.

2 – Diversas áreas de atuação para quem se forma em Ciência da Computação

O profissional de TI pode atuar em uma empresa de tecnologia, mas também em uma corporação de seguros ou em uma metalúrgica, ou seja, existem inúmeras oportunidades nas mais diferentes áreas para quem é formado no curso de ciência da computação.

É possível trabalhar em uma equipe de desenvolvedores na criação de softwares personalizados de acordo com as necessidades do cliente, no departamento de Pesquisa e Desenvolvimento dentro de uma grande corporação, como desenvolvedor ou programador em diferentes segmentos.

O profissional poderá trabalhar ainda como Analista de Sistemas (elabora documentos que especificam os requisitos para o desenvolvimento de um software); Professor ou Pesquisador (em instituições de ensino); Gerente de TI (com projetos de software, coordenação de equipes, planejamento e desenvolvimento de sistemas) e Arquiteto de Software (modelagem de sistemas e infraestrutura necessárias).

Mas afinal, quais as áreas de atuação do profissional formado em Ciência da Computação?

Existem muitas vagas abertas aguardando bons profissionais da área de TI. Dessa maneira, entre as principais áreas, podemos listar:

  • Desenvolvimento de softwares: produção de programas para gestão de recursos e materiais, além de sistemas educacionais ou até mesmo jogos. Os programas podem ser para computadores tradicionais ou para dispositivos móveis, como celulares.
  • Treinamento: capacitação dos funcionários que vão utilizar determinado software.
  • Banco de dados: desenvolvimento de programas para indexar, armazenar e proteger informações, tanto no setor público como no privado.
  • Marketing e venda: atuação direta na divulgação e venda de softwares ou hardwares. Análise, testes e planejamento do lançamento de novos produtos.
  • Consultoria e suporte: assessoria de usuários e empresas na compra de programas e equipamentos ou na manutenção de redes, sistemas e softwares. O cientista da computação também pode avaliar projetos pedagógicos de informática ou planos para a informatização de empresas.

3 – Altos salários

O salário que o profissional formado nessa área vai receber pode variar de acordo com a região em que trabalha, nível de experiência e porte da empresa. Mas para se ter uma ideia, um levantamento feito por um site de empregos mostrou a seguinte média salarial:

Empresa de pequeno porte:

  • Junior: R$2.415,87
  • Pleno: R$3.140.63
  • Sênior: R$4.082,82

Empresa de médio porte

  • Junior: R$ 3.623,81
  • Pleno: R$ 4.710,95
  • Sênior: R$ 6.124,24

Empresa de grande porte:

  • Junior: R$ 5.435,72
  • Pleno: R$ 7.066,43
  • Sênior$ 9.186,36

Em relação a faculdade ciência da computação ead , podemos destacar os seguintes motivos:

4 – Material de ensino completo

O primeiro ponto a ser observado ao escolher um curso, é em relação ao material de ensino. Recomendamos que você dê preferência aos cursos que oferecem livros impressos, DVD’s e plataforma digital, o AVA. Dessa maneira, você terá mais opções de estudos, além de comodidade e portabilidade, o que facilita a otimização do tempo do estudante.

5 – Unidade de ensino nos cursos

Quando falamos nas possibilidades de escolha dos materiais, é preciso destacar que você pode estudar com professores/autores. Essa é uma das principais características do EAD. Nessa metodologia, eles são os responsáveis por escrever os livros, gravar as videoaulas e produzir as questões das provas. Portanto, existe uma unidade de ensino em que todo o conteúdo do. Dessa forma, você pode ter um ensino de todas as disciplinas sem dúvidas.

Também precisamos ressaltar que dessa forma não há surpresas na prova. Ou seja, não há perigo de você estudar uma coisa e cair outra totalmente diferente na avaliação.

6 – Provas Educativas

Também é preciso destacar como são as provas do EAD. Para começar, as provas presenciais podem ser agendadas. E a principal característica delas é que não possuem caráter punitivo, mas sim educativo. Ou seja, tudo que está na prova, foi ensinado durante o curso, mas não é só isso. Você também pode realizar a prova enquanto estuda, abrindo e fechando o teste quantas vezes achar necessário. Afinal, cada vez que precisa consultar o livro para responder uma questão, você fará uma revisão do conteúdo. Ou seja, a prova é uma continuação dos seus estudos.

7 – Início de novas turmas

Diferente do ensino presencial, que inicia novas turmas uma ou duas vezes por ano. No ensino a distância novas turmas iniciam todos os meses. Então, você não precisa esperar até o começo do próximo semestre para começar a estudar.

8 – Aprendizado personalizado

Com a faculdade de Análise e Desenvolvimento de Sistemas cada aluno tem um aprendizado personalizado de acordo com suas preferências e objetivos. Isso acontece pois é possível respeitar o ritmo de aprendizado de cada um. Dessa forma, você pode acelerar uma aula de um assunto que já tenha conhecimento. Ou pode se demorar mais em um tema que tenha interesse ou em um assunto que tenha maior dificuldade.

9 – Qualidade do corpo docente

Sabemos que os professores são essenciais para garantir a qualidade de ensino. E o ensino a distância não tem barreiras geográficas. Então, é possível reunir os melhores professores de todo país para criar um curso de extrema qualidade. Sendo assim, você vai aprender com os profissionais mais experientes e gabaritados em suas áreas, sem precisar se deslocar até eles.

Para finalizar, podemos dizer que a faculdade de Análise e Desenvolvimento de Sistemas a distância vale sim a pena. O curso tem a qualidade necessária para formar um profissional com as habilidades que o mercado exige nessa área. Ao finalizar o curso, você encontrará um mercado de trabalho aquecido, com ótimas oportunidades em empresas que valorizam essa formação.

 

Deixe seu Comentário