Central de Comunicação // CNA

02/04/2018

CNA e Mapa promovem Semana Brasil Livre de Febre Aftosa

Brasília-DF (02/04/18) – A Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) e o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) iniciaram hoje (2) a Semana Brasil Livre de Febre Aftosa, que terá uma série de ações em comemoração aos esforços de produtores rurais e entidades públicas e privadas do setor agropecuário para erradicar a doença no País. 

Nesta segunda, o vice-presidente da CNA e presidente da Federação da Agricultura e Pecuária da Paraíba (FAEPA), Mário Borba, o diretor-geral do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), Daniel Carrara, e o superintendente técnico da CNA, Bruno Lucchi, acompanharam sessão solene no Senado Federal que deu início às celebrações. 

Mário Borba, 1º vice presidente de Secretaria da CNA. 

“A parceria da CNA, do Senar e das Federações nos estados com o Ministério da Agricultura foi decisiva durante todos esses anos para chegarmos a esse momento. E o Senar teve papel fundamental como presença constante na ponta, capacitando o produtor rural em vacinação, contribuindo para o Brasil se tornar um país livre da febre aftosa”, afirmou Mário Borba. 

Na avaliação de Daniel Carrara, o produtor rural é o grande responsável por essa conquista do Brasil. “Se o produtor não for consciente e o funcionário dele não estiver preparado nada acontece. Ele é o grande responsável por tudo isso que está acontecendo e é quem devemos elogiar e agradecer”.

Daniel Carrara, diretor-geral do Senar. 

Em maio, o Brasil receberá o certificado internacional da Organização Mundial de Saúde Animal (OIE) como país livre de febre aftosa com vacinação, com o reconhecimento dos estados do Amazonas, Roraima, Amapá e parte do Pará. Segundo Bruno Lucchi, superintendente técnico da CNA, a iniciativa vai proporcionar abertura de novos mercados para a carne brasileira. 

“Vamos ser coroados com esse reconhecimento e isso vai ajudar muito os negócios brasileiros, não apenas na bovinocultura de corte, mas também na suinocultura. Há um ganho muito grande na abertura de novos mercados e na mudança do status sanitário do Brasil”.

Bruno Lucchi, superintendente técnico da CNA. 

A intenção do governo e das instituições do setor é erradicar a doença e obter o reconhecimento mundial do país como livre de aftosa sem vacinação. Para isso, o Ministério da Agricultura elaborou o Plano Nacional de Erradicação da Febre Aftosa, que prevê ações estratégicas para ampliar as zonas livres sem vacinação, com início em 2019 e término em 2023. 

“Com esse status, a pecuária brasileira passará para um patamar mais alto, permitindo um novo desafio que conquistaremos até 2023, o reconhecimento internacional de todo o País livre da febre aftosa sem vacinação. Essa condição traz evidentes impactos positivos para o país na consolidação e ampliação de mercados para os produtores pecuaristas brasileiros,” afirmou o ministro da Agricultura, Blairo Maggi. 

Blairo Maggi, ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. 

Conheça a programação da Semana Brasil Livre de Febre Aftosa

Nesta terça-feira (3), haverá uma sessão solene na Câmara Legislativa do Distrito Federal e a inauguração do Túnel do Tempo da Febre Aftosa no Brasil, no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, em Brasília.

Na quarta-feira (04), haverá uma visita ao Laboratório Nacional Agropecuário (Lanagro) em Pedro Leopoldo, Minas Gerais. Referência para análises e diagnósticos de aftosa, o Lanagro Pedro Leopoldo foi reconhecido pela ONU/FAO na área de Biossegurança e Manutenção de Laboratórios de Alta Contenção Biológica no início de 2018.

Na quinta-feira (5) será o Dia A, cerimônia de Erradicação Plena da Aftosa no Brasil que será realizada na Embrapa, com a presença do presidente Michel Temer, além de um evento simultâneo promovido pelas Federações de Agricultura e Pecuária em vários estados celebrando o fortalecimento da pecuária brasileira.

Acompanhe as ações da semana na página: http://www.cnabrasil.org.br/cna-na-semana-brasil-livre-de-febre-aftosa

Assessoria de Comunicação CNA/SENAR
Telefone: (61) 2109 1419
cnabrasil.org.br 
senar.org.br
twitter.com/SENARBrasil
facebook.com/SENARBrasil
twitter.com/SistemaCNA
facebook.com/SistemaCNA
instagram.com/SistemaCNA

Veja também